domingo, 1 de junho de 2014

Há 28 anos atrás...

...o Master System era lançado nos Estados Unidos. Apesar de não ter feito muito sucesso lá devido ao monopólio do seu concorrente NES (Nintendo Entertainment System), conseguiu ganhar um pouco (bem pouco, eu sei) de espaço no mercado. Apesar disso, serviu para preparar os americanos para o grande sucesso que o seu sucessor faria logo na sequência: o Mega Drive.


6 comentários:

  1. É uma pena que não tinha um Tom Kalinske cuidando da SEGA of America na época, teria sido uma história bem diferente para o Master nos EUA. Como deixaram a distribuição nas mãos da Tonka, que não tinha o menor preparo e nem vontade de se esforçar para entender esse novo mercado de videogames, acabaram perdendo feio para o Nintendinho por lá.

    Inclusive na entrevista que o UOL Jogos fez com o Stefano Arnhold da Tec Toy, este comentou que o fracasso da Tonka dificultou as negociações da SEGA japonesa com a Tec Toy, pois na cabeça dos japoneses o caso da Tonka indicava que empresa de brinquedos + videogames não dava certo. Felizmente a Tec Toy provou que era bem diferente e muito mais competente que a Tonka!

    Abraços :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Adinan, fico me perguntando se a história seria outra se ao invés da Tonka (leia-se Tosca, rs) uma empresa melhor tivesse pego, como foi o caso da TecToy no Brasil...

      Excluir
  2. Esse videogame valia ouro hein pena que não teve muito apoio das grandes empresas de games que naquele tempo a boa parte estava com a Big Nintendo.Mas mesmo assim a Sega soube se virar nos 30 e fazer grandes clássicos no Master que eu curtia muito jogar e ver nas revistas da época como o Alex Kidd in Miracle World um ótimo jogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valia mesmo rock! Se bem que eu acho que a qualidade dos clássicos da Sega só saíram mesmo devido à essa dificuldade que eles tiveram em ter que superar a Big N. Imagina só se a Sega fechasse parceria com a Capcom, a Konami e outras naquela época... dificilmente teríamos jogos como Alex Kidd e Castle of Illusion. Abração.

      Excluir
  3. Só digo uma coisa: azar o dos americanos, não sabem o que perderam.
    Mesmo com o NES sendo incrível, o Master tem muito valor. Felizes foram aqueles que puderam jogar ambos, independentemente do lugar do mundo.
    Feliz aniversário americano pro Master! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perderam mesmo, Cadu, sinto muito por eles, ainda bem que aqui fez muito sucesso. Tivemos realmente muita sorte por poder jogar ambos NES e Master.

      Excluir