sábado, 14 de abril de 2018

Sessão do Aniversariante - 2018


SAUDAÇÕES!!
Estamos prosseguindo a nova Sessão no QG em 2018! 
No mês de aniversário dos membros, o presente é  seu! O aniversariante vai te presentear com três super games que está jogando no momento! Nosso aniversariante do mês de Abril é:

DOUGLAS DEIRÓ




Saudações galera! Tudo bem com vocês?
Como já virou tradição aqui no QG Master, o aniversariante do mês, dá a dicas de jogos bacanas para que possam curtir junto com a gente. Nem todos, são os que estou jogando atualmente mas, são bons o suficente, para serem apreciados em qualquer tempo. Vamos à eles?


Batman and Robin – Shadows of Gothan (Nintendo)
Se você estranhou o título do game, que nunca tinha ouvido falar, não se culpe. Eu mesmo, só soube de sua existência, no fim do ano passado. Este é um hack de Kage – Shadow of the Ninja, da produtora Natsume... e é dos bons!
Como as mecânicas e ambientação de ambos  são bem semelhantes (junto do Batman, da Sunsoft, do mesmo sistema), tudo casou perfeitinho. Poderia se passar por um produto oficial numa boa, vai por mim.
Todos os motivos para que, as coisas todas, se passassem dentro do universo do Homem Morcego, foram adaptadas. Desde a apresentação, logotipo na abertura, sprites, tudo foi moficado de forma bem convincente. A dificuldade foi um pouco aliviada em relação ao original mas, continua sendo um game para poucos bravos e destemidos.
Um trabalho impressionante que vale a pena ser experimentado.



Psycho Fox (Master System)
Não tem jeito! Se o nome do blog é QG Master, não vou deixar de recomendar um do 8 bits mais amado do Brasil.
Este game, infelizmente, é um dos que via em revistas mas, não me deparei com ele. Quem já leu meus textos, sabe que me recinto bastante, por não ter aproveitado alguns deles em sua própria época. Penso que, a visão mágica de criança, daria um “toque especial” à experiência de desbravar um mundo novo que ali surgia: a nova febre dos videogames no fim dos anos 80.
Psycho Fox é um game muito divertido, com grafismo bonito, colorido e com personagens marcantes. É um ótimo exemplar de como eram feitos, com suas fórmulas já estabelecidas, depois de anos de experimentações diversas por parte das desenvolvedoras. Assim, os programadores, passaram à implementar cada vez mais melhorias ao gênero, neste caso, o de “ação/plataforma”.
Não importa se o game foi feito há 30 anos, se ele é bom, o será para sempre. Psycho Fox, aposto, ainda cativará “arqueológos tecnológicos” num futuro distante. Alguém duvida?



Power Rangers Legacy Wars (Celulares)
Assim como eu, muitos dos que visitam este QG, viveram os tempos da saudosa Rede Manchete. Lá, assistimos, o primeiro esquadrão colorido japonês que desembarcou aqui, o Changeman. Junto com outros seriados, o sucesso foi estrondoso, que ecoa até hoje, seja no coração dos fãs “das antigas” ou mesmo naquele pivete que assiste Dragon Ball Super (de forma irregular na internet) totalmente alheio, de onde surgiu essa paixão do brasileiro pelos heróis da Terra do Sol Nascente.
Os norte-americanos, mais fechados com culturas que não sejam a deles mesmos, só passaram à curtir à fórmula destas produções, depois que tiveram que adaptá-las para eles. Assim, surgiu os Power Rangers. Mas, estou aqui, para falar do jogo, certo?
PR Legacy Wars tem sido meu vício atual, a ponto, de pautar parte do meu dia por conta dos horários que as caixas de prêmios são abertas. É um jogo “Free-to-play”, que pode ser baixado, na Google Play Store. Tem itens que podem ser pagos com grana real mas, podem ser desbloqueados jogando também (mas, vai te dar um trabalhão danado).
Desde os tempos do Mega Drive e Super Nes, não tinha surgido algo tão legal com os Defensores de Alameda dos Anjos. Têm gráficos muito bonitos e uma mecânica de jogo bastante dinâmica, que me surpreendeu bastante (não gosto de “esfregar o dedo na tela” para jogar). 
Com licensa, mas preciso destravar mais alguns Rangers aqui...
Até mais!

2 comentários:

  1. Esse jogo do Batman and Robin que é hack de Kage nunca ouvi falar fiquei bem interessado vou dar uma conferida. Mas o Psycho Fox já joguei muito quando tinha meu Master System e curtia demais só pra você ver tenho até umas das músicas no meu celular. E esse outro jogo ai do Power Ranger também nunca ouvi falar a respeito não sou muito fã do genero mas vou dar uma olhada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Psycho Fox é demais! Hoje não tenho a mesma habilidade, mas é um jogo bem divertido! As musicas no celular também é uma hábito meu.
      Obrigado Rock!
      Até a próxima!

      Excluir